jusbrasil.com.br
17 de Outubro de 2017

Advogado, veja essas 4 dicas para driblar a crise e aproveitar as oportunidades

Veja algumas dicas sobre como se destacar em meio à multidão e abrir novas portas no mercado de trabalho.

Shankar Cabus, UX Designer
Publicado por Shankar Cabus
há 20 dias

Não é novidade que a advocacia vive um período de crise, não só pelo momento econômico do país, mas também pelo "sufocamento" do mercado, com mais de 1 milhão de advogados (0,5% da população).

Mas crise não é, necessariamente, algo ruim. Para os povos orientais, 危機 (crise) significa risco e oportunidade, então, o conceito de crise depende do seu ponto de vista. "O pessimista vê dificuldade em cada oportunidade; o otimista vê oportunidade em cada dificuldade" (Winston Churchill).

É neste clima de otimismo, que mostrarei algumas dicas sobre como se destacar em meio à multidão e abrir novas portas no mercado de trabalho.

1. Seja criativo e curioso

“Criatividade é a arte de conectar ideias”, disse Steve Jobs. Mas para conectar ideias, você precisa ampliar seus horizontes e olhar para outras áreas além do Direito. Foi assim que o Jusbrasil se tornou uma referência e se destacou entre os concorrentes, aproveitando uma oportunidade do mercado (desorganização e descentralização das informações jurídicas), reutilizando conceitos já desenvolvidos na tecnologia e aplicando ao meio jurídico.

Se você pensa que os fundadores do Jusbrasil são de formação tecnológica, está enganado, são engenheiros civis (Daniel e Rodrigo) e bacharéis em direito (Rafael), mas entraram de cabeça na tecnologia para desenvolver o site que se tornou o maior do mundo entre os jurídicos. Já eu, tenho formação em sistemas de informação e entrei no Jusbrasil como estagiário (2009), fui programador, depois designer, mas sempre me interessei também por comunicação, marketing, psicologia… Hoje eu crio soluções criativas em diferentes áreas, usando a tecnologia.

Então não importa se você fez 5 anos de faculdade de direito e agora quer estudar mais sobre marketing, administração ou culinária. Você não precisa se limitar a uma área de estudo ou a um diploma ou a um concurso. Todo conhecimento adicionado multiplica as possibilidades e oportunidades. Você só precisa ter curiosidade. A internet está aí para abrir portas que nunca foram nem abertas. A chave é conectar ideias, e ela está nas suas mãos!

Veja algumas ideias nas próximas dicas ;)

2. Encontre oportunidades e seja encontrado

A melhor forma de encontrar uma oportunidade, é deixar que a oportunidade te encontre. Para isso, você precisa facilitar este encontro, precisa ser visto, porque "quem não é visto, não é lembrado".

O Jusbrasil recebe cerca de 1,7 milhões de visitas por dia, dessas, mais da metade é de advogados buscando jurisprudência ou se manter atualizado com notícias e artigos, como este que você está lendo. A outra metade, é de cidadãos buscando se informar sobre seus direitos. Está todo mundo na internet. Mais cedo ou mais tarde, esses cidadãos precisarão de um advogado, e você deve estar pronto para ser encontrado.

A internet é sua principal vitrine, então é importante manter sua presença forte e passar uma boa imagem profissional.

As próximas dicas mostrarão como se destacar em meio a multidão de advogados e tornar-se uma referência na sua área.

3. Construa uma imagem profissional na internet

Para ter uma página profissional, você não precisa encontrar uma empresa especializada ou um “sobrinho da informática” para fazer o seu website, você pode montá-lo com ferramentas como SquareSpace, Wix, Weebly ou criando seu perfil no Jusbrasil (mais fácil, eficiente e gratuito).

O perfil do Jusbrasil foi criado para servir como seu website profissional, mostrando todas as informações relevantes sobre o advogado, de forma organizada e ainda se posicionando entre os primeiros resultados do Google. Quer ver? Eu nem sou advogado, tenho outras dezenas de perfis na internet, mas ao buscar “Shankar Cabus” no Google, a primeira página que aparece é meu perfil no Jusbrasil. Procure também por Flávio Tartuce ou Luiz Flávio Gomes. Agora procure pelo seu nome.

Está fácil te encontrar no Google? Se não, está na hora de criar um perfil no Jusbrasil (se ainda não o tiver), preencher com suas informações e torná-lo mais relevante, publicando artigos, ganhando seguidores, sendo visto e lembrado.

Veja a seguir como melhorar a relevância do seu perfil na internet fazendo seu marketing por meio de conteúdo.

4. Ofereça conteúdo útil como forma de marketing

Você já deve ter ouvido a frase “a propaganda é a alma do negócio” e algumas empresas levam isso tão a sério que te enchem de propaganda sobre coisas que você não tem o menor interesse, até porque, muitas vezes eles não sabem o que te interessa ou não. Essa avalanche de publicidade está levando os consumidores a desenvolverem uma espécie de cegueira de anúncio (banner blindness), pois seus cérebros associam inconscientemente uma propaganda a algo inútil, ruim.

Para driblar o banner blindness, os “marketeiros” encontraram uma forma genial de atrair a atenção dos consumidores, melhorar os resultados e ainda diminuir o custo das campanhas. Parece mágica, mas se chama inbound marketing, onde o princípio é oferecer ao consumidor uma uma informação útil e no meio oferecer um produto também útil. É uma relação de ganha-ganha, que funciona mais como uma indicação, que uma propaganda.

Neste artigo não seria diferente, eu estou te dando informações úteis e aproveitando para te indicar produtos que te ajudarão na sua evolução profissional. Por exemplo, a plataforma de publicação de textos do Jusbrasil. Além do seu perfil funcionar como seu site, o Jusbrasil tem uma plataforma de blog para você publicar seus textos e a maior comunidade jurídica do mundo para distribuí-los e deixá-los visível no Google. Tudo isso de graça!

Você não precisa ser um autor reconhecido para publicar seus textos no Jusbrasil, até porque, o objetivo é que você se torne conhecido ao publicar seus textos e mostrar seu trabalho para toda comunidade jurídica. Você só precisa começar. Crie sua conta, comece a escrever no nosso editor e observe os resultados, como foi observado por Fátima Burégio neste depoimento:

Sempre gostei de escrever, mas escrever para o portal Jusbrasil é mágico!
Ao iniciar minhas publicações, o intuito era poder figurar ao lado de grandes ícones da literatura brasileira, tais como: Flávio Tartuce, Willian Douglas, Luis Flávio Gomes, Delegado Cabete, Professor Rios do Amaral (defensor público), etc. Eu queria mostrar que também poderia estar na mesma plataforma de algumas ‘feras’ do direito contemporâneo que admiro. Ora, o Jusbrasil me concedeu esta oportunidade!
Não tenho dúvida de que minha vida mudou pra melhor após publicar no Jusbrasil. Sim. Meu nome até mudou. Hoje, não raro, as pessoas me chamam Fátima Burégio do Jusbrasil!!!

E então, você está pronto para aproveitar as oportunidades, estudar novas áreas e começar a publicar artigos? Tem alguma dúvida ou gostaria de saber mais sobre algum assunto? Deixe seu comentário que responderei com prazer. Mas se você gostou dessas dicas, não deixe de recomendar esse documento clicando no coração verde, quanto mais pessoas recomendarem, mais ficarei motivado a escrever mais sobre o assunto! :)

Abraços e até a próxima

26 Comentários

Faça um comentário construtivo para esse documento.

Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "GRITAR" ;)

Sensacional shanks! Eu também sempre enxerguei valor no profissional (seja qual for a área) que não se limita a uma caixa. Levamos conhecimento para vida toda, sem nem precisar de mala! Amei o seu texto, e sem dúvida alguma, os maiores avanços da humanidade partiram da pluralidade de conhecimentos e experiências! Advogados, vocês tem uma ferramenta excepcional na mão de vocês! O Jusbrasil pertence a todos! Abusem e usem! hahaha <3 continuar lendo

Muito bom! O JusBrasil é uma riqueza. Amo! Ainda não escrevo por aqui, mas sempre que posso entro nos comentários jurídicos é treta de nível ad Eternum hahaha. Obrigada! Gostaria de post sobre o início na advocacia. Também tenho outra grande afinidade que é a culinária. Não é gastronomia pois é algo que demanda estudo. Culinária caseira. Algo como comida de vó rs. Ainda vou montar um"puxadinho culinário jurídico"comida agradável e papo legal 😎 continuar lendo

Que legal, Nubia! Eu tb sou cozinheiro amador... assim como escritor. Tem dias que tô com vontade e faço um prato de comida ou um artigo! Rsrs O importante é colocar a mão na massa e experimentar novas coisas, não é?

Abraços! continuar lendo

Sensacional o artigo. Muito esclarecedor. Eu, por exemplo tenho conta no JusBrasil há muito tempo para pesquisa de jurisprudência, e somente há poucos dias me despertei para a necessidade de escrever artigos, e com isso em menos de 15 dias já escrevi três artigos relacionados a área previdenciária. Parabéns pelo texto. continuar lendo

Estou na mesma condição que o senhor, tenho conta há muito tempo, todavia só estava usando para pesquisa de jurisprudência!! Vou me organizar para escrever algum artigo em breve. continuar lendo

Parabéns pelo texto. O Jusbrasil é uma excelente plataforma para aqueles que amam escrever e estão em busca de maior visibilidade profissional, assim como eu estou. É um prazer e uma grande honra publicar textos para um site com tamanho reconhecimento na comunidade jurídica. Suas dicas são valiosas, parabéns novamente. continuar lendo